RESENHA: O MENINO DO PIJAMA LISTRADO

Olá meus amores! Hoje trago um livro que li esses dias e acho que vocês já devem ter ouvido falar muito, pois afinal, é excelente! Ele faz você ler, ler e ler de novo e não se cansar (li em menos de dois dias), porque ele não é aqueles livros cansativos, além de ser muito bem escrito. Mas, se você quiser saber mais, vem comigo! Bora lá?

Título: O Menino do Pijama Listrado

Título Original: The Boy in the Striped Pyjamas

Ano de Lançamento: 2007

Autor: John Boyne

Páginas: 186

Editora: Seguinte

Ao chegar da escola, Bruno se depara com Maria (a empregada) arrumando suas malas. Bruno tem 9 aninhos e irá se mudar para outra cidade. Nunca gostou dessa ideia, mas no decorrer do tempo foi se acostumando e se habituando ao local (que aliás, não era nada convidativo). O mesmo ficou bastante decepcionado ao saber que a nova casa teria apenas 3 andares (ao contrário da casa de Berlim que tem 5), e ficou ainda mais decepcionado ao chegar lá e descobrir que não haviam amigos. Ele vivia na época do holocausto e não fazia a menor ideia que seu país estava em guerra com boa parte da Europa, muito menos que sua família estava envolvida nos conflitos,também não sabia nada sobre a solução final dos judeus. Chegando a sua nova casa, Bruno observa da janela de seu quarto uma enorme cerca de arame que envolve toda a casa e além. Através da cerca há meninos com pijamas listrados. Não apenas meninos, mas sim, avôs, pais, tios e claro, crianças. Como um bom explorador, resolve explorar o local. Em uma de suas andanças conhece Shmuel, que tem a sua idade e vive do outro lado da cerca. Neste momento, percebe que encontrou um amigo para passar as suas tardes naquele local monótono. A amizade dos dois se intensifica muito, até que um dia Bruno tende a voltar para Berlim…

O menino do pijama listrado 4

 

A capa é bem simples, mas tem tudo haver com a história. O livro tem 186 páginas, e é escrito de forma infantil. Não de uma maneira errada, mas de um modo belíssimo, que demonstra corretamente os pensamentos e atitudes de uma criança de 9 anos. Ele nos faz voltar no tempo e lembrarmos de nós mesmos, da inocência e pureza dos nossos pensamentos e atitudes quando criança.

É um livro totalmente envolvente. Após ter terminado de lê-lo, fui pesquisar sobre, para então fazer a resenha, no qual descobri que o livro foi escrito (a primeira versão) em apenas dois dias e meio! O incrível é que eu li em dois dias e meio. Não pode ser uma simples coincidência. haha

Este é um livro que eu RECOMENDO DEMAISSSSS! Pode comprar sem dó e sem medo de se arrepender! Este livro eu emprestei de minha escola, então infelizmente não é meu. Mas pretendo comprar o meu o mais rápido possível!!

Então é isso, espero que tenham gostado da minha resenha! Beijão e até mais!!

RESENHA DE LIVROS #1: DESTRUA ESTE DIÁRIO

Oláaaa meu amores! Tudo bem com vocês? Eu estou ótima e espero que vocês também estejam!

Ontem, estava vendo os livros que tenho aqui na minha casa e me deparei com um, meio velhinho (já foi lançado em 2007 mas no Brasil apenas em novembro de 2013, e eu como uma louca por livros, já quis o meu. E sim, eu tenho ele desde de 2013!), mas que eu não poderia deixar de fazer uma resenha aqui no blog falando sobre ele.

Minha primeira resenha, sobre um livro que eu ganhei, amei e amo demais! Obrigada avó!!! hahaha

Vamos lá!

Por não ser escrito (apenas as tarefinhas, claro) e fazer você soltar a criatividade, o livro conquistou até pessoas que não são tão chegadas a abrirem um livro e ler. Basicamente a autora escreveu dentro do livro um guia sobre como Destruir Este Diário, e você, obviamente, tem que destruir. Não importa que sequência você faz, de trás pra frente, de frente pra trás, do meio pra fora, enfim, o jeito que você vai destruir não tem importância, você que escolhe, como, quando e onde irá destruir. Ah! E também escolhe o modo que vai fazer isso! Você pode simplesmente pegar o livro e sair por aí rasgando e estragando ele inteirinho de uma forma radical como pode destruir ele de uma forma fofa e divertida sem ser grosseiro. Eu escolhi o lado fofo porque não consigo destruir um livro (de jeito nenhum) e acho que ficou um amor!

Por isso, trouxe fotos de algumas páginas que eu fiz, porém, confesso que me empolguei um pouquinho, e resolvi aparecer nas fotos e fazer um “book” com o livro hahaha. Confiram as fotos:

destrua-este-diário.jpg

Com atividades como congelar a página, vesti-la, mastiga-la ou mesmo derrubar seu café nela, Keri Smith fez o meu amor pelo livro aumentar bastante. Devemos completar as atividades de pouquinho em pouquinho, pois pelo fato de o livro ter apenas atividades, não seria legal fazê-las todas em um único dia.

destrua-este-diário.1.jpg

E não para por aí não, tem muuuuuito mais atividades ou destruições no livro, tem algumas que eu sinceramente não consegui, pois danificaria demais o livro. Por exemplo, levá-lo comigo para o chuveiro. Não dá de judiar tanto assim de  um livro né?! Mas eu dei um jeito e deixei ele bem fofo (não tirei foto 😦 ). Na primeira imagem tem a página que devemos deixar uma mensagem secreta em algum lugar do livro. Eu desenhei um caça ao tesouro, pois achei que era algo que tinha muito haver com o que foi pedido. Ainda tem de arranhar, bagunçar, costurar…

IMG_20160120_122556

IMG_20160120_121905

O livro também pode ser considerado um curador. Quando você não tem nada para fazer, nada melhor que pegar ele e ir fazer algumas atividades para se distrair um pouco. Pode servir também para melhorar sentimentos, como por exemplo, desfazer-se da página ou enchê-la de palavrões. É bom para aliviar momentos de tensão (e minha cachorrinha também decidiu fazer parte da foto! hahaha ❤ ).

IMG_20160120_122643.jpg

Enfim, o livro nos convida a sermos nós mesmo, realizando as atividades da melhor maneira possível, deixando cada página do nosso jeitinho.

Já passou-se um tempo desde seu lançamento, porém ele ainda é recomendado e se você ainda não tem este livro, corre, porque ele pode alegrar e muito o seu dia!

Então é isso. Espero que tenham gostado de conhecer um pouquinho melhor este livro! Beijãoooo

Fiz um formulário para você responder! Clique aqui!